Arritmia Emergências

Adenosina: Você Conhece o Método Alternativo de Administração?

Pedro Veronese
Escrito por Pedro Veronese

Após manobra vagal malsucedida, adenosina é a medicação de escolha para reversão de taquicardias supraventriculares em pacientes estáveis. Este fármaco deve ser administrado em bolus, seguido de flush de soro fisiológico (20 mL) e elevação do membro.

A adenosina é metabolizada em menos de 10 segundos por enzimas plasmáticas, portanto, quando os passos acima não são respeitados, a chance de insucesso é elevada.

Um trabalho publicado em 2003, Journal of The Korean Society of Emergency Medicine 2003;14(3): 224-227, propõe um método alternativo para administração da adenosina. 65 pacientes com taquicardia supraventricular foram avaliados. Em 35 deles a adenosina foi administrada de forma convencional e em 30 pacientes a adenosina foi diluída em 15 mL de soro fisiológico e administrada em bolus. A taxa de reversão no primeiro grupo foi de 80% e no segundo grupo foi de 85,7%, não havendo diferença estatística (P = 0,39). Também não houve diferença em relação a dose total administrada entre os grupos.

Conclusão do Cardiopapers: a adenosina diluída pode ser uma estratégia no mínimo equivalente e mais simples de ser utilizada no dia-a-dia. Porém, a reprodutibilidade desses achados em um número maior de pacientes é aconselhável.

OBS: lembrar que antes de recorrermos à adenosina, é interessante fazer a manobra vagal de forma adequada. Já ouviu falar da manobra de Valsalva modificada? Ela tem uma eficácia bem maior que a manobras vagais tradicionais. Para maiores detalhes, veja este post.

Publicidade

Banner Atheneu

Banner Curso Pré Operatório

Deixe um comentário

Sobre o autor

Pedro Veronese

Pedro Veronese

Médico Especialista em Çlínica Médica pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo.
Médico Especialista em Cardiologia pela Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC.
Médico Especialista em Arritmia Clínica e Eletrofisiologia pela Sociedade Brasileira de Arritmias Cardíacas - SOBRAC.
Médico do Centro de Arritmias Cardíacas do Hospital Alemão Oswaldo Cruz.
Doutor em Cardiologia pelo InCor - FMUSP.
Preceptor da Residência de Clínica Médica do Hospital Estadual de Sapopemba e Hospital Estadual Vila Alpina.
Médico Chefe de Plantão do Pronto Socorro Central da Santa Casa de São Paulo.
Professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.
Professor da Faculdade de Medicina UNINOVE.

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto:
X