Métodos complementares

Como Orientar Atividade Física – parte 2. O que é o VO2 e para que serve?

Image courtesy of [Sura Nualpradid,] / FreeDigitalPhotos.net

Como Orientar atividade Física – PARTE I

 

Dando continuidade ao tópico de orientações de atividades físicas.

MÉTODOS COMPLEMENTARES:

Teste ergométrico: Apesar de existirem vários tipos de ergômetros ( bicicleta, esteira, remo etc)  o teste ergométrico em esteira é o mais utilizado na avaliação da capacidade funcional e na prescrição do Exercício físico.

Não entraremos  em detalhes quanto aspectos eletrocardiográficos, pesquisa de isquemia e comportamento pressórico, pois o objetivo é comentar variáveis que avaliam o desempenho cardiovascular.

 

  • VO2 pico: é o Consumo Máximo de Oxigênio ( ml/kg/min) durante o pico do exercício e reflete absorção, transporte e consumo de oxigênio pelos tecidos do corpo. VO2 pico = DC x ( DifA-Vo2) ou (VS xFC) x (CaO2 x(CaO2- CvO2). ETrata-se de uma das principais variáveis fisiológicas relacionadas à capacidade funcional ( potência aeróbica). Dá-se o nome de VO2 máx quando o pico do esforço correponde ao esforço máximo.  No teste ergométrico convencional é calculado por um cálculo matemático.

Com o dado da VO2 pico ou Max pode-se qualificar o paciente em categorias de Capacidade aeróbicas. Abaixo tabelas, de classificação correspondente a duas fontes:

Nível de Aptidão Física do American Heart Association –  AHA 
Para Mulheres – Vo2 max em ml(kg.min)

Idade

Muito Fraca

Fraca

Regular

Boa

Excelente

20 – 29

 – 24

 24 – 30

 31 – 37

 38 – 48

 > 49

30 – 39

 – 20

 20 – 27

 28 – 33

 34 – 44

 > 45

40 – 49

 – 17

 17 – 23

 24 – 30

 31 – 41

 > 42

50 – 59

 – 15

 15 – 20

 21 – 27

 28 – 37

 > 38

60 – 69

 – 13

 13 – 17

 18 – 23

 24 – 34

 > 35

 

 

Nível de Aptidão Física do American Heart Association –  AHA 
Para Homens –  Vo2 max em ml(kg.min)

Idade

Muito Fraca

Fraca

Regular

Boa

Excelente

20 – 29

 -25

 25 – 33

 34 – 42

 43 – 52

 > 53

30 – 39

 -23

 23 – 30

 31 – 38

 39 – 48

 > 49

40 – 49

 -20

 20 – 26

 27 – 35

 36 – 44

 > 45

50 – 59

 -18

 18 – 24

 25 – 33

 34 – 42

 > 43

60 – 69

 -16

 16 – 12

 23 – 30

 31 – 40

 > 41

Fonte: ACMS, 1980

 

 

Nível de Aptidão Física de Cooper para Mulheres –  VO2 max. ml(kg.min)-1

Idade

Muito Fraca

Fraca

Regular

Boa

Excelente

Superior

13 – 19

 – 25,0

 25,1 a 39,9

 31,0 a 34,9

 35,0 a 38,9

 39,0 a 41,9

 > 42,0

20 – 29

 – 23,6

 23,7 a 28,9

 29,0 a 32,9

 33,0 a 36,9

 37,0 a 40,9

 > 41,0

30 – 39

 – 22,8

 22,9 a 26,9

 27,0 a 31,4

 31,5 a 35,6

 35,7 a 40,0

  > 40,1 

40 – 49

 – 21,0

 21,1 a 24,4

 24,5 a 28,9

 29,0 a 32,8

 32,9 a 36,9

 > 37,0

50 – 59

 – 20,2

 20,3 a 22,7 

 22,8 a 26,9

 27,0 a 31,4

 31,5 a 35,7

 > 35,8

Mais de 60

 – 17,5

 17,6 a 20,1

 20,2 a 24,4

 24,5 a 30,2

 30,3 a 31,4

 > 31,5

 

 

Nível de Aptidão Física de Cooper para Homens –  VO2 max. ml(kg.min)-1

Idade

Muito Fraca

Fraca

Regular

Boa

Excelente

Superior

13 – 19

 – 35,0

 35,1 a 38,3

 38,4 a 45,1

 45,2 a 50,9

 51,0 a 55,9

 > 56,0

20 – 29

 – 33,0

 33,1 a 36,4

 36,5 a 42,4

 42,5 a 46,4

 46,5 a 52,4

 > 52,5

30 – 39

 – 31,5

 31,6 a 35,4

 35,5 a 40,9

 41,0 a 44,9

 45,0 a 49,4

  > 49,5 

40 – 49

 – 30,2

 30,3 a 33,5

 33,6 a 38,9

 39,0 a 43,7

 43,8 a 48,0

 > 48,1

50 – 59

 – 26,1

 26,2 a 30,9

 31,0 a 35,7

 35,8 a 40,9

 41,0 a 45,3

 > 45,4

Mais de 60

 – 20,5

 20,6 a 26,0

 26,1 a 32,3

 32,3 a 36,4

 36,5 a 44,2

 > 44,3

Fonte: Cooper, 1982

 
  • Frequência Cardíaca máxima (FC Max):  FC mais alta durante o teste ergométrico limitado por sintomas ou exaustão.
  • MET é a sigla inglesa para equivalente metabólico. Uma unidade representa o gasto energético na condição de repouso (supino) em função do peso corporal e corresponde a aproximadamente 3,5mL/kg/min. Pode ser utilizada para expressar a potência aeróbia máxima, onde, por exemplo, 35mL/kg/min corresponderiam a 10 MET. Este modo de expressar a capacidade funcional pode ser inapropriado para portadores de obesidade, nos quais o gasto energético de repouso é bastante inferior a 3,5mL/kg/min, já que o tecido adiposo possui baixa atividade metabólica e, conseqüentemente, baixo consumo de oxigênio.

 

Intensidade

Atividades no lar

Atividade física

Muito leve

3 METs

Tomar banho, fazer a barba, vestir. Trabalho de escritório. Conduzir um automóvel.

Alongamento. Caminhar (em terreno plano, a 3 quilômetros /hora). Bicicleta fixa, sem resistência.

Leve

3-5METs

Limpar janelas, juntar folhas no jardim.

Caminhar (5-6 quilômetros por hora). Bicicleta em terreno plano. Esteira muito ligeira.

Pesada

7-9 METs

Serrar, subir escadas (velocidade moderada) Carregar objetos.

Futebol, patinar (no gelo ou sobre rodas) cavalgar. Correr a 8-8,3Km/h.

Muito pesada

superior a 9 METs

Carregar objetos por uma escadaria. Carregar objetos de mais de 45 quilogramas de peso. Subir escadas rápido.

Correr a 9,7Km/h ou mais, squash, esquiar, basquete vigoroso

 

Teste Cardiopulmonar (Ergoespirometria): Já comentamos sobre ergoespirometria em tópicos anteriores. Tem a vantagem de determinar o VO2 pico / Max diretamente a partir de análises de gases espiratórios e é o método preferencial para os pacientes cardiopatas. Além do VO2 máximo, pode determinar limiares respiratórios ( Limiar de anaerobiose e Compensação Respiratória). Para saber mais Clique aqui.

Publicidade

Deixe um comentário

Sobre o autor

Andre Lima

Andre Lima

Editor do site --
Especialista em Cardiologia pela SBC e InCor/ USP --
Especialista em Ecocardiografia pela SBC e InCor/USP --
Especialista em Terapia Intensiva pela AMIB --

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: