Arritmia

Desafio de ECG – nível moderado – qual o diagnóstico?

Pcte jovem com história de palpitações paroxísticas foi submetido a teste ergométrico. Durante o exame apresentou a seguinte arritmia. Qual o diagnóstico?

FullSizeRenderImagem gentilmente enviada pelo Dr André Rezende, eletrofisiologista do HC-UFPE e do PROCAPE. 

Para ver a resposta, clique no link abaixo:

Resposta (autor – Dr André Rezende) – taquicardia atrioventricular ortodrômica (TAV).

O traçado apresentado mostra uma taquicardia regular de qrs estreito com FC acima de 220 bpm e difícil visualização da onda p. Analisando as derivações inferiores é possível observar uma deformidade logo após a inscrição do qrs, compatível com onda p retrógrada. Portanto o intervalo rp' cuja medida é cerca de 80 ms é  menor que o p'r. As hipóteses principais  seriam taquicardia por reentrada nodal e taquicardia atrioventricular ortodromica  (mediada por via acessória), sendo a segunda hipótese mais provável devido à FC muito alta e o intervalo rp' ligeiramente acima de 70 ms (onda p' no seguimento st). A dúvida é esclarecida durante o ritmo sinusal onde observa-se padrão de pré-excitação com via acessória de localização ântero-septal direita.

Imagem do ecg de base do paciente mostrando o padrão de pré-excitação. 

FullSizeRender-9

Publicidade

Deixe um comentário

Sobre o autor

Eduardo Lapa

Eduardo Lapa

Editor-chefe do site Cardiopapers
Especialista em Cardiologia e Ecocardiografia pela SBC

1 comentário

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: