Miscelânia

Nova diretriz de cardiologia do esporte: quando pedir teste ergométrico?

Eduardo Lapa
Escrito por Eduardo Lapa

Esta publicação também está disponível em: pt-brPortuguês esEspañol

Continuando nosso resumo da diretriz da SBC sobre cardiologia do esporte:

  • Preciso pedir teste ergométrico de rotina para liberar atividade física ocasional? Não! O paciente é assintomático, <35 anos e não possui fatores de risco cardiovasculares? Pode liberar sem teste ergométrico.
  • Tem sintomas? TEM que pedir teste ergométrico segundo a diretriz.
  • Não tem sintomas mas é um atleta amador que irá fazer atividade de alta intensidade? Pedir teste ergométrico (recomendação IIa)
  • Trata-se de atleta profissional? A diretriz recomenda pedir teste ergométrico antes do início da temporada de competições.

  • Qual o formato de infra de ST no teste ergométrico que deve gerar mais preocupação? O descendente! Depois dele, o horizontal, e por fim, o ascendente.
  • Estou frente a um atleta profissional e quero saber a frequência alvo de treino? A ergoespirometria é bem mais precisa que o teste ergométrico.

Curso Preparatório

Banner Atheneu

Deixe um comentário

Sobre o autor

Eduardo Lapa

Eduardo Lapa

Editor-chefe do site Cardiopapers
Especialista em Cardiologia e Ecocardiografia pela SBC

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: