Coronariopatia

Novo guideline europeu de Síndrome Coronariana Sem Supra de ST – parte 10

POPULAÇÕES ESPECIAIS PARTE 3

PCTES OBESOS

– Já ouviram falar do paradoxo da obesidade?

Isto também é relatado com IC – pctes obesos com IC tendem a ter um prognóstico melhor do que os não obesos…

 

SINDROME CORONARIANA AGUDA NA AUSÊNCIA DE LESÕES CORONARIANAS

– Cerca de 15% dos pctes com SCA sem supra não têm lesões significantes ao cate. Lembrar que cate normal não afasta SCA. Existe sim IAM com coronárias normais. Este pode ser por vasoespasmo, recanalização espontânea, síndrome x, etc. Lembrar também que o cate convencional não é mais padrão ouro para quase nada. Não é incomum termos cate teoricamente normal que quando passa o IVUS (usg intracoronariano) mostra haver lesões críticas de forma difusa. 

 

ANEMIA

– Níveis baixos de hb têm fator prognóstico na SCA. Predizem maior risco de eventos isquêmicos assim como maior incidência de sangramento.

– Quando transfundir?

– Lembrar de sempre esclarecer a causa da anemia antes do cate. Caso o pcte esteja com anemia por uma úlcera gástrica sangrante por exemplo seria um desastre colocar um stent farmacológico, o que obrigaria o indivíduo a manter aas e inibidor da P2Y12 por 1 ano.

Publicidade

Deixe um comentário

Sobre o autor

Eduardo Lapa

Eduardo Lapa

Editor-chefe do site Cardiopapers
Especialista em Cardiologia e Ecocardiografia pela SBC

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: