Sem categoria

Novo guideline europeu de valvopatias – parte 5

ESTENOSE AÓRTICA – parte 1

– A estenose aórtica é a valvopatia mais comum nos países desenvolvidos

– A principal causa nestes locais é a degeneração valvar calcífica. Em segundo lugar vem a valva aórtica bicúspide. Nestes países a etiologia reumática é bastante rara. A realidade brasileira é completamente diferente.

– Em pctes com EAo, a presença de B2 abafada em foco aórtica geralmente indica que a valvopatia é importante

– O grande exame para diagnóstico e graduação da EAo é o ecocardiograma. Para uma revisão do assunto – ver este link.

– A diretriz europeia diz que uma área valvar < 1cm2 já indica EAo importante mas que geralmente EAo crítica ocorre com área < 0,8 cm2. Já a diretriz brasileira usa como ponto de corte a área <0,8 cm2. No entanto, ambas as diretrizes concordam que uma área indexada pela superfície corporal < 0,6 cm2/m2 indica EAo importante. Assim sendo, parece ser interessante sempre citar a área indexada no laudo do ecocardiograma.

– A diretriz também destaca o papel do eco com dobuta para diferenciar os casos de EAo low gradient/low-flow. Para uma revisão do assunto – ver este link.

Deixe um comentário

Sobre o autor

Eduardo Lapa

Eduardo Lapa

Editor-chefe do site Cardiopapers
Especialista em Cardiologia e Ecocardiografia pela SBC

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: