Miscelânia

Qual a dose máxima recomendada de citalopram? O que o cardiologista tem a ver com isto?

Eduardo Lapa
Escrito por Eduardo Lapa

Esta publicação também está disponível em: pt-brPortuguês

Os inibidores de recaptação de serotonina são uma das principais classes de antidepressivos. O citalopram é uma das medicações mais vendidas deste grupo. Mas, atenção! É necessário estar atento às doses máximas recomendadas pelo FDA. Em 2012 este órgão lançou uma recomendação clara que dizia:

  • citalopram não deve ser usado em doses superiores a 40 mg.d
  • em pacientes idosos (>60 anos) – a dose máxima é de 20 mg.d

Mas o que o cardiologista tem a ver com isso? Tudo. Isto porque esta limitação à dose do citalopram deve-se basicamente devido aos riscos que a medicação tem de prolongar o intervalo QT, aumentando assim o risco de arritmias ventriculares potencialmente fatais como a torsades de pointes.

Outras recomendações:

  • Pacientes em uso de citalopram que evoluem com intervalo QT corrigido superior a 500 ms devem ter a medicação suspensa.
  • Citalopram deve ser evitado em pacientes com Síndrome do QT longo congênito.

Curso Preparatório

Banner Atheneu

Deixe um comentário

Sobre o autor

Eduardo Lapa

Eduardo Lapa

Editor-chefe do site Cardiopapers
Especialista em Cardiologia e Ecocardiografia pela SBC

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: