Hipertensão arterial sistêmica

Você usa o manguito certo na hora de medir a pressão do seu paciente?

Escrito por Audes Feitosa

Esta publicação também está disponível em: Português Español

O que acontece quando utilizamos manguito de tamanho inadequado para medida da pressão arterial? Muitos médicos não valorizam tanto este aspecto, achando que as alterações são irrelevantes. Mas, um novo estudo ratificou que alterações relevantes podem ocorrer devido a este erro básico. O trial Cuff rteve seus esultados apresentados em um E-poster durante o Epidemiology and Prevention/Lifestyle Cardiometabolic Health (EPI/Lifestyle) 2022 organizado pela American Heart Association (AHA). O que foi observado?

  • Ao se utilizar um manguito adulto normal num braço adulto pequeno a PA sistólica/diastólica era, em média, 3,6/1,3 mm Hg mais baixas que quando utilizado o manguito adequado.
  • Do outro lado, as medidas foram 4,8/1,8 mm Hg maiores quando foi utilizado manguito adulto normal em pessoas que necessitavam de manguito adulto grande e, impressionantes, 19,5/7,4 mm Hg maiores nas pessoas que tinham circunferência do braço extra-grande.

Diferenças de quase 20 mmHg de pressão sistólica como observadas acima podem mudar de forma relevante a classificação do paciente em relação aos níveis de pressão arterial. Lembrando a classificação proposta pela diretriz de HAS da SBC lançada em 2020:

No geral, a superestimação da PA devido ao uso de manguito menor que o adequado classificou erroneamente 39% das pessoas como hipertensas, enquanto a subestimação da PA devido ao uso de manguito maior que o preconizado ocasionou uma perda de 22% no diagnóstico de hipertensão.

Em relação aos estudos anteriores sobre o tema, destacamos o número de participantes (195 adultos), utilização de esfigmomanômetros automatizados, que normalmente são recomendados palas diretrizes de diversas sociedades para o diagnóstico de hipertensão em adultos, e a distribuição de voluntários em todos os grupos das diversas circunferências de braço.

Para esta adequação, as principais barreiras são o custo e a disponibilidade. Hospitais, clínicas e consultórios não costumam oferecer vários tamanhos de manguitos nas salas de atendimento e os equipamentos geralmente são comercializados com um único manguito adulto normal.

Mensagem: Precisamos avaliar a PA do paciente sempre com o manguito adequado de acordo com a circunferência do braço. Assim, minimizaremos o erro diagnóstico.

Curso Cardiopapers

Banner Atheneu

Deixe um comentário

Sobre o autor

Audes Feitosa

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anúncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site

%d blogueiros gostam disto: