Coronariopatia Emergências

Qual o principal fator de risco para trombose de stent?

Eduardo Lapa
Escrito por Eduardo Lapa

O principal fator de risco para trombose de stent é a interrupção precoce da dupla antiagregação plaquetária (aas + inibidor do receptor plaquetário P2Y12 como clopidogrel, prasugrel ou ticagrelor). Leia mais sobre isso clicando aqui.

Tal fato foi mostrado no registro holandês de trombose de stent publicado no JACC em 2009. O fato de não usar adequadamente o clopidogrel causou um Hazard Ratio de 50 no estudo citado. Não sabe o que é hazard ratio? Veja este post.

Quais outros fatores ligados ao aumento do risco de trombose de stent? Alguns dos principais são:

  • síndrome coronariana aguda -traz maior risco que angioplastia de paciente ambulatorial, provavelmente pelo ambiente pró-trombótico
  • diabetes mellitus
  • doença renal crônica em hemodiálise
  • stents mais longos
  • stent mal expandido
  • vasos finos
  • presença de lesão residual
  • disfunção sistólica de ventrículo esquerdo
  • pacientes com câncer
  • tratamento de lesões em bifurcações

Referência: van Werkum JW et al. Predictors of coronary stent thrombosis: the Dutch Stent Thrombosis Registry. J Am Coll Cardiol 2009.

Publicidade

Banner Atheneu

Banner Curso Pré Operatório

Deixe um comentário

Sobre o autor

Eduardo Lapa

Eduardo Lapa

Editor-chefe do site Cardiopapers
Especialista em Cardiologia e Ecocardiografia pela SBC

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: