Emergências Perioperatório Terapia Intensiva Cardiológica

IAM perioperatório em Cirurgia Cardíaca- o que fazer?

IAM pos op

Pontos importantes:

– Para revisar os critérios diagnósticos de infarto no pós-operatório de cirurgia cardíaca, acesse este post.

– O diagnóstico de infarto agudo do miocárdio nas primeiras 24-48h após cirurgia cardíaca nem sempre é fácil uma vez que geralmente os pctes estão sedados ou sob efeito de analgésicos. Isto limita o surgimento de sintomas como angina típica. 

– Por tal motivo, preconiza-se que pctes em pós-operatório de cirurgia de revascularização miocárdica tenham ecg e marcadores de necrose miocárdica seriados a fim de detectar alterações relevantes.

– Ocasionalmente o médico pode notar um discreto supra de ST no ecg do pós-operatório ficando em dúvida de tal achado reflete isquemia ou se pode ser uma pericardite precoce, por exemplo. Nestes casos de dúvida, um excelente exame complementar é o ecocardiograma à beira do leito. Caso o exame revele o surgimento de uma nova alteração da contratilidade segmentar na parede correspondente a da supra de ST, tudo indica que este seja de etiologia isquêmica. Já se a contratilidade no local for preservada, provavelmente não decorre de isquemia.

Publicidade

Deixe um comentário

Sobre o autor

Andre Lima

Andre Lima

Editor do site --
Especialista em Cardiologia pela SBC e InCor/ USP --
Especialista em Ecocardiografia pela SBC e InCor/USP --
Especialista em Terapia Intensiva pela AMIB --

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: