Coronariopatia

Qual a melhor estratégia para investigar doença coronariana?

Muitos pacientes procuram o consultório do cardiologista com sintomas sugestivos de doença coronariana (DAC).

Atualmente dispomos de várias opções de exames para realizar essa investigação.

Algumas opções visam avaliar a anatomia (como a angiotomografia de coronárias e a cineangiocoronariografia). Outras são testes funcionais, que tem como objetivo avaliar alterações que sugiram a presença de isquemia miocárdica (teste ergométrico, ecocardiograma com estresse, cintilografia miocárdica com estresse – físico ou farmacológico).

Para tentar determinar qual é a melhor opção, foi realizado o estudo PROMISSE.

Foram 10.003 pacientes com sintomas sugestivos de DAC. Comparou teste anatômico (angioTC) vs teste funcional (teste ergométrico, cintilografia com ecocardiograma com estresse).

O desfecho primário foi um composto de morte, IAM, hospitalização por angina instável ou complicação do procedimento – não houve diferença entre os grupos (3,3% angioTC vs 3,0% teste funcional – p não significativo).

O desfecho secundário foi cateterismo sem obstruções e exposição à radiação média. No grupo angioTC coronárias houve menos cateterismo sem obstruções (3,4% vs 4,3% – p 0,02), mas uma exposição média maior à radiação (12mSv vs 10,1mSv – p < 0,001). Lembrando que no grupo funcional, 32,6% pacientes não foram expostos à radiação devido ao exame realizado. (67,3% foram para cintilografia, 22,5% para ecocardiograma com estresse e 10,2% para teste ergométrico – características certamente diferentes da nossa realidade brasileira).

Conclui, assim, que o uso de angioTC coronárias no lugar dos testes funcionais não melhorou desfechos clínicos num seguimento médio de 2 anos.

Referência: Douglas PS, Hoffman U, Patel MR et al. Outcomes of anatomical versus functional testing for coronary artery disease. NEJM 2015.

Publicidade

Deixe um comentário

Sobre o autor

Fernando Figuinha

Fernando Figuinha

Especialista em Cardiologia pelo InCor/ FMUSP
Médico cardiologista do Hospital Miguel Soeiro - Unimed Sorocaba.
Presidente - SOCESP Regional Sorocaba.

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site
%d blogueiros gostam disto: