Bulário Hipertensão arterial sistêmica Insuficiência Cardíaca

Como eu uso: Ramipril

Fernando Figuinha
Escrito por Fernando Figuinha

Esta publicação também está disponível em: Português Español

Com certeza vocês já ouviram falar do bom e velho captopril…uma medicação antiga mas que ainda hoje controla a pressão de muita gente! A sua classe, os inibidores da enzima de conversão de angiotensina, ou IECA, é uma das melhores classes de anti-hipertensivos em vários cenários. Hoje vamos comentar um pouco sobre um irmão mais moderno do captopril…o RAMIPRIL.

O ramipril é um IECA com um tempo de meia vida mais longa. Tem início de ação em 1-2h e duração de 24h. Isso nos permite utilizar essa medicação somente um vez por dia.

As apresentações que temos de RAMIPRIL são: RAMIPRIL isolado (2,5 mg, 5mg ou de 10mg) e em alguns laboratórios temos também associado com HIDROCLOROTIAZIDA ou com ANLODIPINO.

Quando indicar o RAMIPRIL?

O RAMIPRIL pode ser indicado como um anti-hipertensivo, e, nesses acasos, podemos atingir até 20 mg por dia. A dose utilizada habitualmente é de  2,5mg a 10 mg por dia.

Podemos indicar também para pacientes com insuficiência cardíaca, pós infarto agudo do miocárdio. Em 1993 saiu no LANCET o estudo AIRE, mostrando que usar RAMIPRIL nesse cenário poderia reduzir morte prematura por qualquer causa.

Em 2000 saiu também no NEJM o estudo HOPE,  um estudo grande que mostrou que usar RAMIPRIL para pacientes com mais de 55 anos e diabetes ou com doença vascular, e pelo menos mais um fator de risco, conseguiria reduzir em 32% o risco de AVC, morte cardiovascular e infarto, mostrando ser benéfico para reduzir desfecho nesse perfil de pacientes também.

Para pacientes com doença coronariana estável também tivemos benefícios com essa classe, mostrados no estudo EUROPA, testando a droga perindopril, irmão do RAMIPRIL, mostrando também uma redução do desfecho nesse grupo.

E para pacientes hipertensos com disfunção renal, o uso de RAMIPRIL conseguiria reduzir o risco de morte, além de reduzir evolução para uma doença renal terminal. Temos também os estudos REIN que foi um estudo com RAMIPRIL e o estudo AASK em afro americanos mostrando benefícios renais.

E pra quem o RAMIPRIL seria contra-indicado?

Ramipril seria contra-indicado para pacientes com hipersensibilidade a droga, para pacientes com angioedema hereditário ou que tiveram história de um angioedema com uso de qualquer outra droga da classe dos IECA. Se o paciente estiver utilizando sacubitril-valsartana, nunca devemos associar IECA nas primeiras 36 horas após suspender o mesmo. Isso aumentaria muito o risco de angioedema.

Em pacientes com hipercalemia devemos evitar o início dessa classe, e para pacientes com estenose de artéria renal bilateral, ou unilateral com rim único, também devemos ter cuidado ao prescrever IECA.

Gestantes não devem utilizar nenhuma classe de IECA. Para puérperas que estejam amamentando, devemos evitar o uso de ramipril. Temos mais evidências de segurança com uso de enalapril para essas pacientes.

E quais são os possíveis efeitos colaterais do uso de RAMIPRIL?

Toda vez que estivermos utilizando qualquer droga da classe dos IECA, sempre temos que lembrar do risco de angioedema. Além disso, podemos ter tosse seca e hipotensão, seria dois efeitos colaterais mais comuns, ocorrendo em 10% dos pacientes. Tosse seca muitas vezes pode ocorrer de forma leve inicialmente, em alguns casos pode aliviar com o tempo, permitindo manter o uso da medicação.

Outros efeitos colaterais que podem ocorrer seriam: hipercalemia, hipotensão postural e alguns efeitos colaterais inespecífico como cefaleia e tontura.

Devemos sempre lembrar de monitorizar função renal e eletrólitos ao início do uso de IECA, como ramipril, e periodicamente após seu início.

Curso Cardiopapers

Banner Atheneu

Deixe um comentário

Sobre o autor

Fernando Figuinha

Fernando Figuinha

Especialista em Cardiologia pelo InCor/ FMUSP
Médico cardiologista do Hospital Miguel Soeiro - Unimed Sorocaba.
Presidente - SOCESP Regional Sorocaba.

Deixe uma resposta

Seja parceiro do Cardiopapers. Conheça os pacotes de anuncios e divulgações em nosso MídiaKit.

Anunciar no site

%d blogueiros gostam disto: